sexta-feira, 7 de novembro de 2008

Quem vai me acompanhar

Quem vai me acompanhar
Ate o fim do mês
Sem reclamar
Do dia a dia
Da falta de agonia
Com uma leve apatia
Escrevendo coisas iguais
Que reprimem o mesmo sentimento?
Quem meu deus, vai me acompanhar
Ate o fim da vida
De mãos dadas
Caminhando juntinhos
Dormindo pelados
Amando o dia.
Quem vai me agüentar quando eu sofrer
Da bipolaridade viva do meu ser
Que arrasta meu divertimento
Draga minha lógica
Estraga meu amanhecer?
Quem vai agüentar as dores de cabeça
Os enjôos e ressacas
As faltas de vontade
E as vontades loucas de gritar dentro de casa.
Esqueça mulher, eu não falo de você!

Um comentário:

Pathi disse...

Posso me candidatar? =}