quinta-feira, 29 de maio de 2008

Saiba...

Saiba desde já que neste reino bandidos, heróis, anjos e poetas são tratados igualmente.

E que mesmo bebendo o veneno da cobra somos todos iguais perante um mesmo espelho.

Feche a porta quando passar, e ponha os livros novos na estante, pois eu sou um guerreiro errante como nos provérbios de um sábio chinês que sem saber o que era apenas sonhava sonhos leves e calmos.

Não esqueça seu sapato, mas se der, deixe de lado suas anotações


Um comentário:

Aninha disse...

Curti!